5519989916625

Sinsaúde convoca trabalhadores da Rede D´Or para lutar por seus direitos

13/11/2023

Paralisação no dia 14, a partir das 6h, por reajuste salarial e piso da enfermagem

 
Os trabalhadores do Hospital Rede D´Or São Luiz ainda esperam pelo reajuste salarial e pelo pagamento do Piso Nacional da Enfermagem. A Campanha Salarial de 2023 começou em abril e a data-base da categoria é 1º. de junho, mas até o momento os direitos conquistados com muita luta ainda não estão garantidos. O Sinsaúde convoca os trabalhadores para uma paralisação, no dia 14 (terça-feira), a partir das 6h, para lutar por seus direitos. 
“Esta é a hora de mostrar força, sem medo, e reivindicar os seus direitos. Vamos juntos mostrar que temos coragem de lutar”, chama a diretora responsável pelo posto de atendimento do Sinsaúde em Atibaia, Vicentina da Silva Melo André. 
A Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), realizada entre o Sinsaúde e Sindhosp, não foi assinada até o momento, deixando milhares de trabalhadores sem reajuste salarial e também sem segurança jurídica quanto aos seus direitos trabalhistas garantidos no documento. A Rede D´Or também não deu o reajuste da Convenção do ano passado, de 11,90%. 
“Os trabalhadores não podem mais esperar. A data-base foi há meses e a categoria merece valorização e não este desrespeito. Já temos ações na Justiça e vamos lutar até o fim”, afirma o diretor Jurídico do Sinsaúde, Paulo Gonçalves.
O Piso da Enfermagem, que é lei e deve ser cumprida, deveria ter sido pago em 6 de outubro. O tempo de negociar já passou, mesmo assim, a empresa enviou uma proposta de acertar o que deve aos profissionais de enfermagem em quatro suaves prestações: 25% em novembro, 25% em maio de 2024, 25% em novembro do ano que vem e, finalmente, 25% em maio de 2025.  
Para a presidente do Sinsaúde, Sofia Rodrigues do Nascimento, é necessário manter a união e a força com o Sindicato para pressionar pelo respeito aos direitos conquistados com muita luta.
“Chamamos os trabalhadores para se sindicalizarem e se manterem firmes e mobilizados para que nenhum retrocesso ocorra em nossas conquistas históricas”, afirma. 
 
Irregularidades e ações na Justiça
 
O Sinsaúde tem ação na Justiça do Trabalho para que o Hospital Novo Atibaia/Rede D´Or cumpra integralmente o Acordo Coletivo de Trabalho de 2022, cujo reajuste salarial é de 11,90%. Também move ações de adicional de insalubridade de 40% durante a pandemia e para os trabalhadores da Higiene e Limpeza, com base na Resolução TST 448, troca de cesta básica por ticket sem anuência dos funcionários e por promover auxiliares de Enfermagem para técnicos com salário abaixo do piso. As ações aguardam julgamento.
[ FECHAR ]
[ FECHAR ]

instagram

youtube